sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Temos de Mexer no Bolso dos Portugueses

Temos de Mexer no Bolso dos Portugueses

Sem comentários... porque as asneiras poderiam sair por extenso e explicadinhas...



Vídeo surripiado aqui.

Post com Dedicatória

Post com Dedicatória

Este post é inteiramente dedicado aos simpáticos membros do Clube História em Movimento que, pertencendo ao ensino articulado de música, resolveram cantar-me Louis Armstrong na belíssima escolha de What a Wonderful World. Foi um momento raro... jamais se tinham unido para me cantar... hihihi... normalmente sou eu que lhes canto a História...
Ok... confesso, a magia foi logo de seguida estragada quando desataram a cantar não sei o quê de gamar com style... percebi eu... não, afinal não, é apenas Gangnam Style... e desataram a dançar todos sincronizados... hihihi... nunca assim vi coisa igual... impossível conter o riso... o momento voltou a ser raro e único e especial e relembraram-me um vídeo ridículo com um cantor pimba para aí coreano... sei lá eu... apenas o vídeo mais visionado em toda a história do youtube... como é possível?!
Obrigada, alunos meus! Estávamos mesmo a precisar de um momento de pausa com muito humor à mistura.




Puro Gozo

Puro Gozo

Golfe dos deputados não sofre cortes em 2013

Algures lá atrás neste blogue já dei conta desta intenção. Hoje, com o orçamento aprovado, volto à carga neste nojo, neste vómito, nesta lata de esbanjamento num país em penúria para quase todos.
O meu comentário a quem faz e aprova uma indignidade destas?
PQP!

E enquanto esbanjam aqui... roubam o nosso futuro aqui com a fome a notar-se... que chatice! Não podia ficar escondida?!... na Pediatria. Depois de dar sinal de si na Escola, só nos faltava agora na Pediatria!!!
O meu comentário?
PQP!

Palhaços Ricos

Palhaços Ricos

Alimentados por nós.

"Foi um “mal entendido”. Portugal não vai beneficiar das facilidades da Grécia

Fonte do Eurogrupo quis esclarecer o que entende de limitações do acordo alcançado para Atenas e volta atrás naquilo que foi por diversas vezes repetido, quer em Portugal quer em Bruxelas."

Ainda a Porca da ADD

Ainda a Porca da ADD

"As escolas arriscam-se a não ter avaliadores porque muitos professores estão a rejeitar fazê-lo, defendendo que não receberam formação. O alerta é lançado, esta quinta-feira no Diário de Notícias (DN), pelos directores de Agrupamentos de Escolas e sindicatos do sector que, entretanto, já pediram ao Ministério da Educação a suspensão do actual modelo de avaliação."

Leia a restante notícia aqui.

Comédia Rasca

 
 
Comédia Rasca

Surripiada aqui.

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Ainda Sobre a ADD

Ainda Sobre a ADD

Ainda sobre aquela coisa chamada Avaliação... Demasiado Doente...

5. Em 2013 efetuar-se-ão observações de aulas para efeito de avaliação?

Poderão efetuar-se se os docentes pretenderem, mas não serão obrigados a tal, uma vez que se manterão vedadas as progressões na carreira, por força de norma imposta no Orçamento do Estado para 2013, pelos grupos parlamentares do PSD e CDS. Assim, ninguém estará obrigado a requerer "observação de aulas".

Leia aqui a totalidade de esclarecimentos da FENPROF sobre a ADD.

Acredito

Acredito

Que simpatia gera simpatia, respeito gera respeito, delicadeza gera delicadeza, atenção gera atenção... eu acredito. E tu?

Flash Mob - Fado

Flash Mob - Fado



Agradecida ao Bruno Carvalho!

Propinas no Secundário? Endoidaram!

Propinas no Secundário? Endoidaram!

Passos já admite pagamento de "propinas" no secundário

Esta é o cúmulo dos cúmulos! Primeiro os políticos instituíram a escolaridade obrigatória até ao 12º ano num país de mão à frente e outra atrás e aumentaram os gastos públicos com a Educação. Ninguém nos perguntou nada. Agora, para além de obrigarem os alunos a estudar 12 anos querem sacar-lhes, melhor dizendo, aos seus pais!, as poucas coroas que ainda lhes restam nas algibeiras.
Sacar, sacar, sacar... é o verbo da moda... e preparam-se para nos sugar até ao tutano.
Onde pararemos nós, com estes vampiros? Vale tudo até arrancar olhos?

Nota - Obrigada, José Gonçalves, pelo link!

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Oferta de Emprego para Professores - Angola

Oferta de Emprego para Professores - Angola

A divulgação chegou-me via SPN. Partilho-a. Com tanta míngua de empregos... de repente... quem sabe pode ser a safa de uns quantos.

PROFESSORES (M/F)

Descrição da Empresa:

Colégio particular em Benguela, Angola, contrata professores para:

– Ensino Pré-Escolar
– Ensino Primário
– Ensino Secundário, para as disciplinas de Português, Inglês, Matemática, Biologia, Física e Química


Perfil do Candidato:

– Habilitações compatíveis
– Disponibilidade a partir de 2 de Janeiro de 2013
– Experiência nas funções
– Experiência em trabalho extracurricular com crianças e ATL

Dá-se preferência a pessoas com dupla nacionalidade.

Oferta:

– Contrato de trabalho por um ano, prorrogável
– 19.500 usd, divididos em 13 salários
– Alojamento individual
– Alimentação
– Seguro de Saúde
– 2 viagens por ano


Contacto:

Respostas com Curriculum através do site Expresso Emprego.


Gaspar e Nouvelle Cuisine

Cartoon surripiado aqui.
 
Gaspar e Nouvelle Cuisine

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Sobre a Observação de Aulas

Sobre a Observação de Aulas

O Ricardo Montes tem exactamente o mesmo entendimento que eu sobre a observação de aulas. Aliás, já aqui assumi que, permanecendo a legislação como está, não pedirei aulas observadas porque tenho mais do que fazer do que colaborar em farsas e com farsolas. Já chega! E tudo cumprindo a lei que, por princípio, gosto de cumprir.

Pedido de Escusa da Função de Avaliador Externo

Pedido de Escusa da Função de Avaliador Externo...

... da dimensão científica e pedagógica no âmbito da ADD.

Surripiado ao Paulo Guinote.



Melhor que Nada

Melhor que Nada

Juros a dois anos abaixo de 4%

Vergonha

Vergonha

Taxa de mortalidade infantil voltou a aumentar em Portugal no ano passado

E eu, que sou bruxa e tenho bola de cristal, anuncio desde já que a tendência vai ser... pois... para piorar.

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Encontro de Amigos

 
Encontro de Amigos

O programa foi preparado a todo o vapor, a pedido do Carlos Afonso... que um dia destes me fez saltar a janelinha do face... "Olha, tu que estás sempre a inventar programas para aqui e para ali, não queres programar uma visita?... eheheh... claro que queria... que quero... até porque, pedido de Carlos Afonso, é para mim uma ordem e vai daí toca de preparar mais um Encontro de Amigos que nos levará a conversas sem fim, risos e gargalhadas, entusiasmos vários. Mais uma vez no Porto, desta vez mais próximo do coração da cidade.
As inscrições estão abertas para os velhos amigos do costume. O encontro será um dia destes.

Alerta

Alerta

Mais um. Sim, eu sei...alertas há muitos, seus palermas! Pois se nós estamos a marchar tão bem!!!

"A austeridade excessiva levará Portugal para a insolvência."

Paul De Grauwe.

Muralhas da China e Saraiveiro

Muros e Saraiveiro - Barca - Serra da Aboboreira - Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Muralhas da China e Saraiveiro

Progridem. Progrediriam mais não fora o saraiveiro que fez cair a temperatura quase a graus negativos... brrrrrrrr...

domingo, 25 de novembro de 2012

Purificación García

Purificación García

Um velhíssimo amor. Para troikar as voltas à troika!


Homenagem a Zeca Afonso


 
 Homenagem a Zeca Afonso

Nos 25 anos após a sua morte, Amarante junta-se às comemorações que o relembram e mantêm a sua memória viva e que já se celebraram/celebrarão um pouco por todo o mundo, nomeadamente em Paris.
Em Amarante, elas serão obra dos Amigos Amarantinos dos Amigos Maiores que o Pensamento que, juntando vontades várias e trabalho gratuito e abnegado de pessoas e entidades diversas trarão ao palco do Cinema Teixeira de Pascoaes a peça de teatro "Vejam bem. Na sala há 5 meninas" a cargo do grupo de teatro "Fantocheiro".
Deixo apenas, para além dos apoios focados no cartaz, uma palavra de agradecimento muito especial ao João Sardoeira Pereira da Silva, por todo o tempo que investiu neste projecto, e ao Antero de Alda que brilhantemente concebeu o cartaz e os bilhetes para o espectáculo.
Bem hajam!
Recordemos pois um pensamento e uma voz a que não nos deixou indiferentes.
Continuas connosco, Zeca!

Para quem quiser assistir ao concerto de Paris, é favor clicar aqui.

Amigos, estão todos convidados. Apareçam no dia 1 de Dezembro pelas 21:30 e relembremos um Homem que ficou para sempre gravado na nossa memória colectiva e no nosso património cultural e cujo pensamento continua mais actual do que nunca.
Ora escutem...

Venham mais cinco
Duma assentada
Que eu pago já
Do branco ou tinto
Se o velho estica
Eu fico por cá

Se tem má pinta
Dá-lhe um apito
E põe-no a andar
De espada à cinta
Já crê que é rei
Dàquém e Dàlém Mar

Não me obriguem
A vir para a rua
Gritar
Que é já tempo
D'embalar a trouxa
E zarpar

A gente ajuda
Havemos de ser mais
Eu bem sei
Mas há quem queira
Deitar abaixo
O que eu levantei

A bucha é dura
Mais dura é a razão
Que a sustem
Só nesta rusga
Não há lugar
Pr'ós filhos da mãe

Não me obriguem
A vir para a rua
Gritar
Que é já tempo
D'embalar a trouxa
E zarpar

Bem me diziam
Bem me avisavam
Como era a lei
Na minha terra
Quem trepa
No coqueiro
É o rei


Trabalho

Auto-Retrato em Peça Etrusca - Toscana - Itália
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Trabalho

Um dos que me interessa, e muito, continua aqui.
Trata-se dum trabalho solitário, metódico, persistente... mas que continua a dar-me um gozo do catano! Apesar do tempo disponível para o fazer rarear, fruto da organização do trabalho imposta pelo MEC. Porra para o MEC! Eu organizo melhor o meu trabalho docente do que o MEC lá de Lisboa! Tanta hora perdida na escolinha na componente estabelecimento... quanta produção eu não faria neste tempo em que é impossível conciliar patamares/estádios tão diversos de trabalho... e o meu trabalho aos berros em cima da minha secretária... aos berros por mim...

sábado, 24 de novembro de 2012

Ainda Sobre a ADD

Auto-Retrato em Dia de Reencontro com a História - Espanha
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Ainda Sobre a ADD

Estou num dos escalões "Bombo de Festa" eleitos pelo MEC para a experimentação da ADD, aquela que pretendendo ser Avaliação de Desempenho Docente ainda não deixou de ser, desde a paridela por MLR, Avaliação de Desempenho Doente.
No primeiro ciclo avaliativo não solicitei aulas assistidas apesar de não as temer minimamente.
No segundo ciclo avaliativo fui obrigada, pela legislação em vigor, a solicitá-las. No problem, a minha avaliadora assistiu a duas aulas em turma de CEF... pela primeira vez na sua vida às duas coisas... avaliar uma professora na sua actividade docente, sem qualquer preparação/formação prévia para tal! e entrar em turmas de CEF, precisamente aquelas que muitos docentes rejeitam pelas dificuldades acrescidas que se nos colocam no dia-a-dia, na actividade docente, nestas turmas. Sei do que falo porque sempre as quis e tive desde a sua implementação. E sim, para o próximo ano estou a precisar de descanso do desgaste que já é muito, do trabalho com estas turmas... quase uma década e sempre com direcção de turma de bónus! E sim, estamos a precisar de preparar, especializar e enriquecer mais uns quantos professores... que não sempre os mesmos exactamente para não serem sempre os mesmos.
Tenho já a experiência de um ciclo avaliativo completo com tudinho o que a legislação em vigor previa, à época. Nada como experimentar a coisa e lhe ver as tripas muito nojentas por dentro e para falar da coisa com conhecimento de causa. Tenho já a triste experiência da palhaçada da legislação em vigor transposta para a prática e tenho já a muito deprimente experiência da sua adulteração no terreno por parte de quem a executa. Vi, ao mau do MEC, juntar-se o péssimo dos poucos ou nenhuns escrúpulos na sua implementação muito doente. E, assim, passamos de uma Avaliação de Desempenho Doente para uma Avaliação Demasiado Doente.
Por mim, chega. Obrigada pela experiência, aprendi muito, pela negativa, relativamente aos homens e às suas capacidades de me surpreenderem. Profissionalmente, aprendi zero. E então para que servirá este raio desta coisa?! Não tenho mesmo a certeza se a experiência não terá contribuído bastante negativamente para a minha postura na Escola que é agora de um maior afastamento... afastamento que jamais se reflectiu/reflecte ou reflectirá no meu trabalho com e para os alunos, a única parte sagrada da minha profissão que até hoje permaneceu intocada no entusiasmo, energia, determinação, trabalho constante e criatividade que eu sempre procurei colocar quando preparo exaustivamente as minhas aulas, que eu sempre procurei colocar quando entro dentro de uma sala de aula para fazer aquilo que todo o professor que se preze deve fazer acima de tudo e para o qual foi preparado - leccionar!
Posto isto, e com mais um ciclo avaliativo à espreita que nos levará para lado nenhum... ainda por cima somos gozados valentemente pelo MEC, gozados até à exaustão, levados ao masoquismo doentio, declaro, pela segunda vez neste blogue, que não participarei na palhaçada que dará acesso ao Muita Bom e ao Xalente desde que isso não tenha repercussões na minha carreira estagnada. Sei lá... de repente estes legisladores da treta lembram-se de fazer uma lei a dizer que quem não pede aulas assistidas é despedido da função pública... ok, aí o caso poderá mudar de figura... mas se a legislação permanecer como está, faço boicote, enquanto avaliada, à avaliação.
Apenas porque não tenho vocação para perder o meu tempo, tão precioso porque único, em palhaçadas.

Nota - E sobre a saga/novela muito rasca dos professores avaliadores pode ler aqui um post que, nem a propósito, complementa este.
Este é apenas um retrato possível de um país cheio de merda, cheio de faz de conta.
E agora pergunto eu - A merda, quando varrida para debaixo de um tapete, desaparece?
Há quem pense que sim... apesar do cheiro nauseabundo.

Ainda Sobre a ADD

Ainda Sobre a ADD - Pedido de Escusa


O texto que se segue foi integralmente surripiado aqui.
Obrigada, Luís Sérgio!

A Farsa BurroCrata parte 1.

Pedido de escusa de avaliador externo.
Como todos sabemos está congelada há algum tempo (demais) a progressão na carreira docente e não só. No orçamento de estado está claramente inscrita a pedido da troica e, servilmente, aceite a não progressão na função pública, acompanhada de mais horas de trabalho, mais despedimentos e mais roubos nos salários. Como se tudo estivesse a correr normalmente, o MEC pariu, recentemente, nova legislação sem sentido, onde se prepara para carregar mais trabalho escravo sobre os docentes. Refiro-me às novas leis sobre a avaliação de desempenho docente – ADD. A farsa não tem sentido e temos que travá-la enquanto não faz mais estragos do que já fez. Por agora, não tenho disponibilidade para fazer uma peça sobre a situação, nomeadamente, sobre a situação do 2º e 4º escalão, fica prometida para breve, mas aqui fica um contributo que me chegou via correio electrónico: Pedido de escusa de avaliador externo. É preciso seguir o exemplo da autora, autor, deste documento, adaptá-lo a cada caso e provar à tutela que os professores não são um bando de carneiros abúlicos.
ASSUNTO: Pedido de escusa da função de avaliador externo da dimensão científica e pedagógica no âmbito da ADD

O artigo 40º do Estatuto da Carreira Docente, intitulado "Caracterização e objectivos da avaliação do desempenho" refere, no ponto 3, alíneas a), b) e h), respectivamente: "contribuir para a melhoria da prática pedagógica do docente"; "contribuir para a valorização do trabalho e da profissão docente" e "promover o trabalho de cooperação entre os docentes, tendo em vista a melhoria do seu desempenho".
Nos termos do nº 4 do artº 5º do Despacho normativo n.º 24/2012 considero ser meu dever profissional passar a expor a V. Exa. o seguinte:

Ao Que Nós Chegamos!

Ao Que Nós Chegamos!

Directores dizem que é preciso evitar que as crianças desfaleçam nas escolas

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Colapso

Colapso

Este podia ser o título de um post sobre a actualidade portuguesa... mas não é!
O colapso captado é só o de parte do glaciar Perito Moreno, na Argentina.




Dia Mundial da Floresta Autóctone

Árvores Imaginadas - Daniela 8ºD e Laura Marques 9ºA - EB 2/3de Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Dia Mundial da Floresta Autóctone

Comemora-se hoje o Dia Mundial da Floresta Autóctone, na minha escola, com uma bonita exposição que assinala este dia, feita de trabalhos lindos de arvoredos sem fim.
Hoje, a EB 2/3 está mais bonita, povoada que está de pinheiros, carvalhos, sobreiros, castanheiros, medronheiros, azevinhos...
Tomara que a nossa floresta, verdadeira e real, usufruísse assim de tanto carinho...

Vinci - Toscana

Vistas da Casa de Leonardo - Vinci - Toscana
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Vinci - Toscana

Vistas da casa do Leonardo. Sim, desse mesmo, de Leonardo, o Genial!

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Beleza

Beleza

Porque há dias assim... e eu hoje estou num dia desses... só aqui entra beleza!



Nota - Agradecida à Marta Matias de Magalhães e à Catarina Castelo Branco!

Amarante - Outono

Amarante em Paleta Outonal - Portugal
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Amarante - Outono

É parte de uma fotografia tirada hoje e retrata um Outono difuso... a parecer uma aguarela fotográfica... ou será uma fotografia aguarelada?

Mimos de Professora de CIDMAC

Mimos de Professora de CIDMAC - S. Gonçalo - Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Mimos de Professora de CIDMAC

Hoje foi dia de levar a minha turma do 2º B à Biblioteca Municipal Albano Sardoeira, aqui mesmo em Amarante.... rua abaixo pelo centro da cidade velha que eu amo... meninos, meninas coloquem-se ali para eu vos apanhar com o arvoredo como pano de fundo... e toca a disparar... a disparar muito, eles a fazerem palermices... eheheh... como resistir às risadas?! visita cumprida à exposição sobre o Parlamento Português... "Professora, estes paralelos tiveram de ser repostos!"... sim, eles lá vão escutando as notícias...
À vinda para cima, surpresa das surpresas!, foi tempo de os presentear com "Mimos de Professora de CIDMAC" em forma de cartuchos de castanhas assadas, quentinhas quentinhas, acabadinhas de sair do meu forno, cada um com direito ao seu.
Serve o presente post para comprovar que "Amor com Amor se paga!"... ou não será assim?
Medo de o expor? Jamé!

Nota - A disciplina de CIDMAC, abreviada de modo diferente de escola para escola, chama-se Cidadania e Mundo Actual.

Mimos de CEF

Mimos de CEF - Escola EB 2/3 de Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Mimos de CEF

Os primeiros, fabricados pela turma B de 2º ano, docinhos conventuais branquinhos como a neve, chamados originalmente "Beijinhos de Freira" mas que para mim serão sempre "Miminhos de CEF", foram-nos servidos a acompanhar o café e adoçaram a boca de todos os professores que os experimentaram não havendo nem um que não os tenha achado divinais.
Os segundos, foram-me entregues de tarde, em pleno recreio, dirigia-me eu para as aulas... "professora, professora!"... e eis que agora tenho direito a coquinhos... sim, o professor Gabriel também teve que experimentar os ditos cujos... ou não se calaria a tarde toda e ainda informou os alunos da minha DT que eu podia comer à vontade docinhos e mais docinhos porque não corria o risco de engordar de tão ruim... de tão ruim... coisa ruim não tem perigo...eheheh... o que vale é que eles não acreditaram...

Serve este post para homenagear todos os professores de CEF que lutam quotidianamente por pessoas com nome e identidade, mas que lutam de facto sem desistirem nunca, alguns ano após ano! e por vezes tão incompreendidos, incompreensão a começar, quantas vezes!, nos seus pares.
Serve este post para agradecer o excelentíssimo trabalho que o professor Paulo, de Pastelaria, está a fazer com as três turmas existentes na escola.
Podem-se cumprir aulas de múltiplas maneiras, é certo, mas, quando se cumprem de alma e coração, isso salta à vista de toda a comunidade escolar... bom... pelo menos da que permanece atenta...
Serve este post para apelar a todos os alunos dos Cursos de Educação e Formação que aproveitem esta oportunidade para se valorizarem. O Estado Português está nas lonas... não deitem fora oportunidades que podem nunca mais ver repetidas em toda a vossa vida!
Tenho dito.

Mimos da Zinha

Mimos da Zinha - S. Gonçalo - Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Mimos da Zinha

Volta e meia a Zinha telefona-me... "Olá vizinha! Estás em casa?" e estando, ela mete pés ao caminho e cobre-me de mimos em partilhas doces.
Um dia destes, foi uma nova compota de abóbora, inventada na hora que a rapariga é assim criativa e foi um pastel que, sem ter nome, para mim ficou "Mimos da Zinha".
A primeira, a compota de abóbora, fez-se misturada com amêndoas generosas e com um toque de laranja que nunca antes experimentara e é simplesmente divinal, assentando-lhe que nem uma luva.
Os segundos, os Mimos da Zinha", são recheados com parte de doce de chila e parte de doce de castanha e são de comer e chorar por mais.
É caso para dizer que a Zinha não sou eu na cozinha... eheheh... ou teríamos aqui aventuras sem fim...

Ah! E gosto destas relações de vizinhança, entremeadas com muita amizade e carinho recíprocos que me lembram outras relações de vizinhança a que assisti em tempos que já lá vão, aqui pertinho do sítio onde habito, em tempos em que os meus avós paternos povoavam esta rua onde eu sempre quis regressar... e regressei.

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Amores-Perfeitos

Amores-Perfeitos - Toscana - ItáliaFotografia de Artur Matias de Magalhães

Amores-Perfeitos

Há-os de muitas cores e tamanhos. Estes foram captados na Toscana. E são perfeitíssimos.

Trabalho - Florença

Florença - Berço do Renascimento - Toscana - Itália
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Trabalho - Florença

Ando às voltas com a minha apresentação em PowerPoint sobre o Renascimento.
Reformular, melhorar, apurar, achar sempre que hoje posso fazer melhor do que ontem é o meu lema.
Assim sendo, ando às voltas com a mítica cidade de Florença e o seu património inacreditavelmente belo e importante... isto depois da tarde de ontem, passada às voltas e mais voltas com o achamento do Brasil...
Estes são os tempos de viajar sem sair do lugar, de viajar percorrendo os milhares de fotografias que felizmente já captei um dia, com a minha máquina, através da minha lente e de tirar partido de um "trabalho/lazer" feito em dias mais felizes, sem Troika, pois então.

Trabalhar por Necessidade

Trabalhar por Necessidade

Até à última. É esta a vida que o futuro nos reserva?
O futuro de muitos apresenta-se bem amargo... mas para muitos outros o futuro sempre foi o presente...

Looking for a Job

Looking for a Job

Hoje apresento-vos uma maneira bastante criativa de procurar emprego. O vídeo, publicado por Sofia Mesquita no Youtube, nem há um mês, já tem mais de sessenta mil visualizações.
Espero que a Sofia encontre o tão desejado emprego a partir desta criatividade partilhada.


terça-feira, 20 de novembro de 2012

Miguel Relvas

Miguel Relvas

Alguém andou a fazer a folha, a verdadeira?, a Miguel Fernando Cassola de Miranda Relvas !
Ora clique sobre o nome...

Nota - Obrigada pelo link, João Sardoeira!

Custos - Alunos

Custos - Alunos

Na Escola Pública, média por ano -  4.011 euros

Nos colégios privados, com contrato de associação, média por ano - 4.522 euros.

Pois, estamos conversados e aguardo novas do MEC.

Pode consultar aqui o estudo.
Pode ler aqui a notícia.

E a França Não É Portugal

E a França Não É Portugal

Ou é?

Moody's não acredita no plano de crescimento de Hollande

“França não é uma bomba-relógio”

Pois veremos.

Horário de Trabalho Aumentado

Horário de Trabalho Aumentado

Governo prepara-se para aumentar horário de trabalho no Estado

Com vídeo. E mais "boas" notícias de bónus.
Agarrem-se professores! Vem aí mais borrasca para as escolas portuguesas!
E esta é apenas mais uma medida para promover o emprego em Portugal.
Boa! Vamos no bom sentido. O espatifanço não poderá estar longe.

E Agora...a França...

E Agora... a França...

Acordei com a notícia... a agência Moody's baixou o ‘rating' à França.
É claro que as ondas de choque logo se fizeram sentir.

"A percepção de risco da parte dos investidores em relação a França, Itália e Espanha agravam-se"

Sim, Merkel, acabaremos todos por ir à Merkel... até tu, quando deres conta estarás afundada nela até ao tutano.

Portugal É Uma Mina

Portugal É Uma Mina

Para alguns. Poucos, é claro.

"Em Portugal, continua-se a pagar aos dirigentes o equivalente ao seu peso em ouro", refere a associação na revista Deco Proteste, hoje publicada.
Segundo a mesma fonte, a Portugal Telecom é "o caso extremo", já que, no ano passado, "o salário do presidente executivo [Zeinal Bava] superava em 128 vezes o rendimento médio dos colaboradores do grupo"."

Notícia surripiada aqui.

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Novas do Gaspar

Novas do Gaspar

Nunca boas... mobilidade especial generaliza-se a todos os sectores da administração pública... já tocam as campainhas dos professores com horário zero ou com horários incompletos?
Acho bem que toquem.

Advanced Training

Advanced Training - RTA

Não pratico nada disto, porque o meu exercício faz-se junto da Mãe Natureza e faz-se de carretas, pedras, enxadas.. mas não posso deixar de partilhar com os meus leitores esta energia excelentemente captada pelo Ricardo Rodrigues, um meu aluno de tempos que já lá vão...
Parabéns, Ricardo!


Outono - Amarante

Outono - Amarante - Portugal
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Outono - Amarante

Colorido! Belo! Encharcado em Sol.

Ai! Credo!

Ai! Credo!

Está a falar o Gaspar!

Novas das Muralhas da China

Muros- Barca - Serra da Aboboreira - Amarante
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Novas das Muralhas da China

O trabalho continua e permanece imparável. Estão agora 11 metros de muro feito, do qual apenas existiam as grandes pedras dos alicerçes. É claro que hoje calcei as galochas.

"Cinderela sem meio-dia, princesa sem meia-noite. Ambas a tempo inteiro."

Luís Costa

Obrigada, Amigo!

Quase Espelho

Quase Espelho - S. Gonçalo - Amarante
Fotografia de João Silva
 
Quase Espelho

Pensávamos que a fotografia era inexistente mas a verdade é que fomos mesmo captadas em dia de greve, fazendo contas aos homens e mulheres em luta.
Obrigada, João Silva!

domingo, 18 de novembro de 2012

Trabalho

Pés de Professora em S. Gonçalo e na Serra da Aboboreira
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Trabalho

Porque o meu trabalho não escolhe hora, nem dia para se fazer... porque o meu trabalho provavelmente só parará quando eu morrer, estou a referir-me ao trabalho que eu faço apenas porque me apetece, apenas porque sim e por isso mesmo trago para casa uns mimos daqueles de trás das orelhas... pois tenho a mania que sou inteligente... hihihi... pois tenho a mania que trabalho... hihihi... sem que quem os diz entenda que eu não tenho manias... apenas porque possuo a inteligência que deus me deu e, garanto-vos, ela é alguma! e, por outro lado, trabalho mesmo, é um facto, irrefutável e público para quem por aqui navega.
Ok, já sei que há quem continue a não navegar de todo, perdendo, deste modo, estas navegações, e outras, votando-as a todas ao mais completo desprezo. Se por acaso essas pessoas têm/tiveram/vão ter funções de avaliadores... ó lá lá! ó lá lá! Aqui d`el rei e tirem-me deste filme rasca e abaixo de cão... de que não farei mais parte... assim o espero... haja deuses!

E sim, Gabriel Vilas Boas, por certo um dia destes atingirei a minha velocidade cruzeiro... de sandaléca ou de galocha... eheheh... o mais certo é atingi-la...

PPP

PPP

Arruinaram um país... e não vai ninguém preso?



Surripiado ao Guinote.

A Palavra a Carlos Moreno

A Palavra a Carlos Moreno



Surripiado ao Guinote.

Amarante, o Tâmega e o Outono


Amarante, o Tâmega e o Outono - Portugal
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Amarante, o Tâmega e o Outono
 
Sim, Amarante supera-se durante o Outono...

Amarante, o Tâmega e o Outono

Amarante, o Tâmega e o Outono - Portugal
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Amarante, o Tâmega e o Outono

A minha cidade é bela em qualquer estação do ano mas, confesso, supera-se quando se veste de Outono.

A Palavra, Política, a Nuno Crato

A Palavra, Política, a Nuno Crato

"A redução da natalidade está-se a reflectir em todos os níveis de ensino e está progressivamente a chegar do básico ao secundário. É natural que haja uma série de professores que se reformem e não sejam substituídos"

Pois senhor ministro, na minha escola há mais alunos do que no ano passado, para menos professores e menos funcionários.
Por isso, é verdade que a redução da taxa de natalidade se reflecte no número de professores necessários ao sistema mas não é só disso que se trata senhor ministro, como vossa excelência muito bem sabe! Ou andou a acabar com disciplinas para quê? E a mega-agrupar para quê? E a engendrar uma maneira de nos colocar a dar mais dois tempos semanais de aula se mantivéssemos as aulas de 45 minutos para quê? E...? E...?
E assim, esgrimindo uma verdade parcial, o ministro demonstra estar um verdadeiro político.

Péssimas Notícias para os Pretos dos Despedimentos

Péssimas Notícias para os Pretos dos Despedimentos

Crato admite que redução de professores vai continuar

Excelente Notícia para os Profs

Excelente Notícia para os Profs

Bombeiros e Professores são os mais votados em inquérito sobre confiança

Como sempre! Nem com todas as malfeitorias nos derrubam!
Parabéns a todos quantos dignificam, num dia a dia quase sempre complicado e por vezes mesmo hostil, a nossa profissão.
Parabéns também aos bombeiros portugueses!

sábado, 17 de novembro de 2012

Trabalho - Aulas de História

Trabalho - Aulas de História

Porque as minhas aulas têm três momentos básicos - a preparação delas em que agora "só" revejo as apresentações em PowerPoint pela terceira vez desde que as iniciei no ano lectivo de 2004/2005, a que se segue a leccionação das aulas propriamente ditas e, finalmente, a publicação de um manual on-line, de História, dedicado ao 3º ciclo, que está a ser construído desde o ano lectivo de 2011/2012 pela minha pessoa - constato apenas, no final de mais uma publicação de aula, com vídeos de apoio e tudo sobre a matéria que tive de pesquisar no Tubes, está tudo no Tubes!, constato apenas que enquanto se canta, não se assobia! e é natural que este blogue fique a modos que meio à míngua de postagens.
Mas é por uma boa causa - o apoio ao estudo dos meus alunos... e de todos os alunos que por aqui tropeçarem...

Novas dos Pretos do Ensino Obrigatório

Novas dos Pretos do Ensino Obrigatório

Transferência de verbas do ensino obrigatório para o superior causa indignação nas escolas

Eu acho muito bem! Aliás... é obrigá-los a pagar! É obrigá-los a cumprir a escolaridade obrigatória, obrigando-os a pagar do seu bolso... não é uma ideia genial?! Podeis copiar a dica, desgovernantes do meu país! Estais à espera de quê?!

Despedimentos na Função Pública

Despedimentos na Função Pública

Quando a minha casa andava a ser construída, religiosamente pelas 17 horas, tocava a sirene da metalúrgica Rodrigo Matias de Magalhães, dando ordem de saída a todo o pessoal que, à época, por lá estava empregado, pessoal a labutar no sector industrial que cumpria horários diferentes do pessoal da construção civil. Estes últimos, a despegar somente pelas 18 horas, invariavelmente comentavam uns para os outros "Já estão a sair os brancos! Os pretos continuam!"

Serve esta história para constatar que os professores, para além de bombos de festa de experimentações diversas que agora não vêm ao caso, são agora os pretos dos despedimentos.

Redução de funcionários públicos foi de quase 6% em nove meses

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Vómito

Vómito

Porque há portugueses de primeira e portugueses de segunda, porque há funcionários públicos e funcionários públicos, porque para uns há crise danada e para outros há um passar incólume por entre os pingos da borrasca.

Quase 1500 nomeados pelo Governo receberam subsídio de férias

E para além destes temos ainda que somar os 131 assessores dos ministérios... e os mais que não constam nesta notícia e que estão cobertos pelas excepções, vergonhosas, que enxameiam a função pública.

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Professores, Façam-se Respeitar!

Professores, Façam-se Respeitar!

Os problemas não existem só por cá...



Surripiado aqui. Agradecida, José Afonso Pedroso!

Pedro Chorão - Bloco 103



Miguel Justino Alves e Pedro Chorão - Galeria Bloco 103 - Lisboa
Fotografia surripiada à Bloco 103...

Pedro Chorão - Bloco 103

A inauguração é já a seguir. Eu, lamentavelmente, não poderei estar presente, mas não posso deixar de divulgar esta exposição de Pedro Chorão, patente na Galeria Bloco 103, em Lisboa, e de a aconselhar a todos os meus leitores.
Boa sorte para hoje e para os dias seguintes, para o autor e o galerista. Porque, mesmo em crise profunda, a arte não pode soçobrar e é mesmo das poucas coisas que, neste contexto degradante do ponto de vista político, económico, financeiro e social, nos alenta e aquece a existência obrigando-nos a pensar em horizontes coloridos que ainda nos falta enxergar.
Obrigada, Miguel! Agradecida, Pedro Chorão!

Muralhas da China

Muros - Barca - Serra da Aboboreira
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Muralhas da China

Estás a fazer as Muralhas da China, Anabela Maria?
Eheheh... pois estou, Zinha! Tenho já 8 metros delas feitos... e trabalho a todo o vapor...

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Violência

Violência

E pronto, o que se previa que acontecesse, mais dia menos dia, aconteceu. E a violência explodiu. Lamento-a... mas constato que só piorará com o agravar das condições económicas.
O que se passa em muitos países do mundo, o nosso incluído, com a transferência de recursos provenientes do trabalho para os bancos e o enooooorme capital, é nojento. E tem de parar.
Sob pena do mundo se incendiar um dia destes, lá mais para a frente.

Greve Geral

Greve Geral

Parabéns, Amadeo!

Amadeo de Souza-Cardoso by Google
 
Parabéns, Amadeo!

Abrir o Google e deparar-me com uma pintura de Amadeo de Souza-Cardoso no seu dia de aniversário... hoje, 14 de Novembro de 2012, dia em que faria 125 anos... agradecida, Google!
Ainda ontem O visitei, na sua casa amarantina que também é o Museu que leva o seu nome grande, acompanhando duas turmas de CEF de 2º ano que buscaram inspiração para o posterior fabrico de doçaria alusiva a este nome maior de Amarante e comentei com os alunos que hoje era o seu dia de aniversário, um dia especialíssimo, portanto, para todos quantos tiveram o verdadeiro prazer de nascer nesta terra, única no panorama nacional, porque muito pequena em tamanho e tão grande em vultos dados à Nação.
Sim, amarantinos houve capazes de vencer uma interioridade pesada e de dar novos mundos ao mundo, capazes de abrir janelas e portas de par em par, escancarando-as, permitindo-nos ver para além de, permitindo-nos ver múltiplos cambiantes de cores e de formas, permitindo-nos...
Amadeo de Souza-Cardoso foi/é um deles. Somos dele devedores.


Sou Grevista!

 
Sou Grevista!

Entrei agorinha mesmo. Atenção ao pormenor da hora deste post. Na mouche!

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Se Assim For É Mais Uma Sem Vergonhice

Se Assim For É Mais Uma Sem Vergonhice

"O dirigente da Federação Nacional de Professores (Fenprof), Mário Nogueira, acusou esta segunda-feira o Ministério da Educação e Ciência (MEC) de estar a aproveitar o processo para a vinculação dos docentes “contratados” para diminuir de 23 para cinco o número de Quadros de Zona Pedagógica."

Greve Geral

Grafite - Galiza - Espanha
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Greve Geral

Eu faço. E tu?

Greve Geral

 
 
Greve Geral

Eu faço. E tu?

Dióspiros

Dióspiros com Canela - S. Gonçalo - Amarante
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Dióspiros

Adoro-os, com canela. São mesmo, de longe, a minha fruta preferida. Encharcados de canela, vão que nem ginjas uns a seguir aos outros, saídos directamente do frigorífico, geladinhos, para o interior da minha boca que os saboreia, saboreia sem nunca deles se cansar. Nem da textura, macia e fina, nem do sabor, único e intransmissível. Costo tanto de dióspiros que, um dia destes, corro sérios riscos de ter uma overdose deles...

Apoio a Ângela Merkel

Apoio a Ângela Merkel

Um outro ponto de vista muito acertivo.



Surripiado no face ao David Leal.

domingo, 11 de novembro de 2012

Medronheiros e Medronhos


Medronheiros e Medronhos - Barca - Serra da Aboboreira
Fotografias de Anabela Matias de Magalhães
 
Medronheiros e Medronhos

São dois e não distam muito um do outro para não se sentirem sós nas frias noites de invernia da Serra da Aboboreira. Já têm uns anos e foram por nós plantados em pleno Jardim do Escorpião Azul encontrando-se, hoje em dia, bem enraizados ao solo. Um foi-me dado pela minha mãe e sobreviveu-lhe, o outro pela minha sogra e continua a acompanhar-lhe a vida. Hoje foi dia de colheita de medronhos madurinhos, vermelhinhos, belíssimos, que serão colocados em aguardente para fazer não sei o quê... ou serão eles próprios a aguardente?
Atenção... os frutos amarelinhos vão ter de esperar... e entretanto chamo a atenção para o pormenor engraçado, curioso e original da floração deste ano ocorrer ao mesmo tempo da maturação dos frutos que foram flor o ano passado.
A vida renova-se. Mesmo no Outono.

Sky Cultivador

Sky Cultivador

Hoje apresento-vos um amarantino que vai dar que falar... fixem este nome, Sky Cultivador, porque o rapaz é determinado e a palavra desistência não faz parte do seu vocabulário.
Confesso que gosto particularmente destas letras tão positivas... sim, "Fala com o coração! Vive!"
E gosto dos vídeos com a minha cidade, sempre belíssima, como pano de fundo.



"Tens as minhas pegadas para seguir"



Excelente voz a da Ana Luísa! Os meus parabéns!

Nota - Mais informação aqui.

sábado, 10 de novembro de 2012

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Trabalho - Afogamento

Trabalho - Portefólios
Fotografia de Anabela Maria de Magalhães
 
Trabalho - Afogamento

Chegada a esta fase do campeonato é mais do que certo o meu afogamento em trabalho... eles são portefólios aos montes para corrigir com rédea curta, eles são testes aos montes para corrigir com rédea curta, eles são aulas atrasadas no blogue História 3º Ciclo que tenho mesmo de publicar sob pena de ter de entregar justificação de falta, atestado médico quiçá para apresentar... eles são castanhas para apanhar, Ai os morcões da castanha, Anabela Maria!, ele é uma laranjeira para plantar... e um muro para acabar... e... e... e sarna para te coçares, não queres, Anabela Maria?!

Previsível

Previsível

Um país a ter em atenção... o sentido da caminhada é mesmo de suicídio colectivo...

"O Banco de França prevê uma quebra do PIB francês em 0,1% no quarto trimestre, numa estimativa divulgada hoje, que antevê ainda um recuo semelhante para o terceiro trimestre, colocando o país em recessão técnica".

Professores Sem Escola

Professores Sem Escola

Tristeza...

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Professora - Alunos - Confissões

Publicidade em Dia de Manif no Porto - Porto
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães
 
Professora - Alunos - Confissões

- A professora hoje parece um padre. - disse-me ontem um aluno todo lampeiro no que foi imediatamente secundado por dois outros... "Sim, sim, parece mesmo um padre! E tem jeito!" - continuaram eles em coro, entusiasmados no meio de uma conversa de professora para alunos e de alunos para professora, daquelas de pé de orelha, daquelas que extravasam os simples conteúdos a leccionar, se fazem de forma descontraída e que também fazem parte do nosso ofício docente enquanto professores de seres em desenvolvimento muito acelerado.
- Estamos aqui a confessar-nos à professora... - continuaram eles...
Sim, confessaram tudo o que entenderam por bem confessar e trocámos impressões, receios, anseios, desejos, preocupações... porque a vida de professor, neste caso de professora, também é feita destes "nadas invisíveis" mas por vezes tão grandes e por vezes tão importantes, permutados em ambiente de confessionário.
Eheheh... com que então pareço mesmo um padre?!


Continuamos a Ter Penas

Continuamos a Ter Penas

Crise na Europa arrasta Alemanha para quebra de 2,5 por cento nas exportações

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

A Palavra a Mário Nogueira

A Palavra a Mário Nogueira

Por Agora... Parabéns Obama!

Por Agora... Parabéns Obama!

No final veremos. Espero que tudo corra bem pelos EUA, sinceramente, porque se a América estoura vai ser um estouro atómico com ondas de choque a propagarem-se sem fim pelo planeta Terra. Sobre nós, portanto.

A Palavra aos Reitores das Universidades Públicas Portuguesas

A Palavra aos Reitores das Universidades Públicas Portuguesas

Vais Ter Sorte!

Vais Ter Sorte!

Passos Coelho defende que Alemanha tem ajudado Portugal e espera que Merkel seja bem recebida

Excelente Notícia

Excelente Notícia

E não, não estou no gozo!
Parabéns aos produtores que têm conseguido revolucionar o sector dos vinhos portugueses! Vale a pena fazer um trabalho com cabeça, tronco e membros... e rumo...

10 vinhos portugueses no top 100 da Wine Enthusiast


Temos Penas

Temos Penas

Efeitos da crise chegam à economia alemã

E não, não era nada previsível!!!!

E agora assumir as culpas?

Alemanha deve assumir os riscos dos "erros" que cometeu

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Um Dia Destes Isto Acaba Mal

Um Dia Destes Isto Acaba Mal

Depois não digam que não foram avisados.

Açores: homem instala-se em quarto perto de Relvas e tenta agredir ministro

Petição Artigo 151º

Petição Artigo 151º

Para:Presidente da Assembleia da República

Exma. Sra.
Dra. Assunção Esteves
Presidente da Assembleia da República

Portugal assiste a uma grave crise financeira e económica, já demasiado comentada e documentada, e simultaneamente ao despertar de uma nova sociedade civil, impulsionada nas redes sociais e, aparentemente, sem vínculos formais a associações partidárias, sindicais ou outras.

É uma sociedade civil que procura e necessita de uma mudança no modo de se representar enquanto Estado de Direito, já que as respostas tradicionais dadas pela democracia representativa existente no nosso sistema político dos últimos 38 anos parecem não ser suficientes. Esta necessidade não é um fim em si mesmo e procuram-se, por isso, soluções que materializem uma mudança da situação actual.

A Constituição da República Portuguesa prevê, no Capitulo II do seu Título II, os direitos de participação na vida pública (artigo 48.º) e de acesso a cargos públicos (artigo 50.º). Contudo, é fundamental o reforço constitucional destes conceitos, procurando uma maior representatividade nos eleitos para a causa pública, o que, em nosso entender, passa pela extinção do monopólio partidário, como lhe chamam Gomes Canotilho e Vital Moreira, previsto em sede de representação na Assembleia da República.

Urge por isso permitir que grupos e movimentos de cidadãos tenham a capacidade e a possibilidade de estarem representados na Assembleia da República, fora do âmbito tradicional dos partidos, já que estes candidatos trarão à função de deputado uma nova dinâmica e responsabilidade políticas, pelo seu envolvimento em causas especificas e não partidárias. Esta mudança manteria a Constituição da República Portuguesa a par da mudança social a que o país assistiu nos últimos 30 anos e, estamos certos, contribuiria para aumentar a participação cívica em Portugal

Assim, os portugueses abaixo-assinados, ao abrigo do direito de petição, solicitam que os deputados à Assembleia da República, aquando da abertura do próximo processo de revisão constitucional:

Proponham a alteração do n.º 1 do artigo 151º da Constituição da República Portuguesa de modo a que este passe a permitir a candidatura de grupos de cidadãos independentes à Assembleia da República.


Portugal, 1 de Dezembro de 2012

Os signatários
 
Eu já assinei! Quererão os meus leitores fazer o mesmo? É que já chega de monopólios partidários que nos trouxeram aqui onde estamos hoje.

Sem Vergonhice Total

Sem Vergonhice Total

Professores a contrato que entrem nos quadros este ano vão ser integrados no 1º escalão da carreira docente.   

Excelentes Notícias

Excelentes Notícias

"A agência de notação (rating) financeira Standard and Poor´s (S&P) foi hoje condenada na Austrália a indemnizar 13 municípios locais que perderam milhões de dólares na crise de 2008 com a compra de produtos "tóxicos", que tinham boas qualificações."

As agências de notação são responsáveis pelas qualificações que atribuem a produtos, cidades e países. Por isso, esta responsabilização, que só peca por tardia, é muito bem vinda e abre caminho a outras acções intentadas por parte de outros países.
 
Creative Commons License This Creative Commons Works 2.5 Portugal License.