sexta-feira, 27 de Janeiro de 2012

Museu Amadeo de Souza-Cardoso - Excelentes Notícias

Auto-Retrato - Museu Amadeo de Souza-Cardoso - Amarante
Fotografia de Anabela Matias de Magalhães

Museu Amadeo de Souza-Cardoso - Excelentes Notícias

Era eu menina e moça e o Museu Amadeo de Souza-Cardoso não era o que hoje é nem assim se chamava. O espaço físico, muito exíguo, partilhado com a Biblioteca Municipal, muito velho e sem quaisquer condições dignas de exposição das peças que já então possuía, foi entretanto renovado pelas mãos de um grande obreiro arquitecto portuense, Alcino Soutinho, em finais dos anos setenta/inícios dos anos oitenta, e não mais deixou de se enriquecer, acrescentando autores, fazendo com que hoje seja o que é - um dos mais importantes museus de arte contemporânea portuguesa... bastaria o acervo do seu patrono, o divino Amadeo, pintor de primeira água em qualquer sítio do planeta... mas também de um Acácio Lino ou de um António Carneiro, isto para destacar apenas os nascidos aqui na minha terra, terra de artistas muitos e variados e de extraordinária qualidade no campo das artes e das letras.
Entretanto as colecções de desenho, pintura e escultura foram sendo sucessivamente acrescentadas, vieram mais "Amadeos"... enriqueceram-se com Dourdil, Vieira da Silva, Cruzeiro Seixas, Resende, Júlio Pomar, Justino Alves, Nadir Afonso, José Guimarães, Irene Vilar, Moisés Duarte... e tantos, tantos outros que fazem parte da nossa história da arte colectiva.
Mas... não há bela sem senão... foi com infinita tristeza que vi desaparecer, do espaço visitável do museu, a colecção de artefactos da Pré-História e de períodos posteriores, relembro especialmente as peças do período romano, que, aquando da minha infância e meninice, estavam expostos no andar superior dos claustros da Igreja do Mosteiro de S. Gonçalo, acessíveis aos nossos olhos curiosos, já à época querendo desvendar o passado.
No âmbito do Projecto História em Movimento, estabeleci uma parceria com o Museo Amadeo de Souza-Cardoso e solicitei, já este ano lectivo, o acesso a estas peças, guardadas em depósito exíguo e longe de todos os olhares numa arrecadação do museu que eu já visitei em tempos que já lá vão, por parte dos meus alunos, os entusiasmados sócios do Clube História em Movimento.
Hoje foi dia de alegria. Dia de deslocação ao museu para acertar a ida dos Diabos de Amarante à minha escolinha... sim, vamos "soltá-los na EB"... eheheh... ao diabo e à diaba... foi dia de receber a informação que, até ao final do ano, parte deste acervo não visitável ficará exposto na sala recém arranjada, onde em tempos funcionou a biblioteca, uma sala maravilhosa, com uma vitrina não menos soberba saída da pena de Alcino Soutinho aquando da sua última intervenção, recente, no Museu Amadeo de Souza-Cardoso.
Confesso que vim para casa feliz. Será outra oportunidade para levar os meus alunos ao museu logo no 7º ano, familiarizando-os com um espaço que eles deverão reconhecer como coisa sua, voltando de novo no 9º ano de escolaridade, com outros objectivos, outras intenções. Feliz porque esta parceria só pode engrandecer as duas instituições locais nela implicadas, E.B. 2/3 de Amarante e Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso, e nunca diminui-las.
E é como eu digo, santos da casa têm de fazer milagres. Acção, precisa-se! A união faz a força. Se formos muitos a remar para sítio adequado, chegaremos a local decente. Chega de lamúrias.
Persistência... persistência... resistência! Jamais nos deixaremos abastardar pelos maus exemplos dados neste país, a torto e a direito, vindos de múltiplos sectores.
Os meus agradecimentos a todo o pessoal do Museu Amadeo de Souza-Cardoso, de uma abertura e dedicação exemplares, especialmente dedicados aos técnicos Cláudia Cerqueira e Renato Teixeira, pessoas incansáveis, de um profissionalismo, alegria e entusiasmo posto no trabalho que devia ser a norma e nem sempre o é. Deixo também os meus agradecimentos ao Dr. Carlos... sem as suas autorizações, nada disto seria possível.

Assim sendo, quarta-feira lá vos espero... a vós e ao casal de mafarricos... contadores da sua curiosa história...

Sem comentários:

 
Creative Commons License This Creative Commons Works 2.5 Portugal License.